Novos desafios em comunicação na programação do Festicom 2018

O evento é realizado pelos cursos de Jornalismo e Publicidade da Unijuí e ocorre nos dias 14, 15 e 16 de agosto

E-Flyer Festicom 2018 Com o objetivo de debater sobre os novos desafios em comunicação vivenciados no mercado de trabalho e valorizar as produções acadêmicas dos alunos de Comunicação da Unijuí, estão abertas as inscrições para o Festival de Comunicação (Festicom) 2018. O evento é realizado pelos cursos de Jornalismo e Publicidade da Unijuí e acontece entre os dias 14 e 16 de agosto. Aberto à toda comunidade acadêmica e egressos, o Festicom contará com oficinas, palestras e a tradicional premiação dos trabalhos realizados pelos acadêmicos.

O Festicom tem como tema Novos Desafios em Comunicação e contará com profissionais que atuam no mercado de trabalho para compartilhar suas experiências e desafios. Para a coordenadora dos cursos, professora Rúbia Beatriz Schwanke, esta é uma oportunidade para os alunos e professores atualizarem seus conhecimentos. “Acredito que o Festicom é importante para o aluno por estarmos compartilhando os conhecimentos daquilo que está acontecendo agora no mercado de trabalho, interagindo com profissionais que são formados e que passam pelas desventuras, ou então pelos desafios, desse mercado que está em constante atualização. Além disso, é algo acessível para que esse aluno possa participar. É uma possibilidade de eles mostrarem as produções acadêmicas e a partir disso serem condecorados”, enfatiza.

Na terça-feira, dia 14 de agosto, o Festicom começa com uma orientação para a prevenção do suicídio e de como tratar esse assunto. A formação será realizada pelos representantes da Equipe de Saúde Mental do HCI: Alessandro Carnielutti Borré, assistente social; Eduard Meyer Lamb, médico; Camila Brudna Eickhoff, médica; Itiana Vianna Fontana, enfermeira; e Dulcilene Alves de Melo, psicóloga e será coordenada pelo psiquiatra Bruno Luiz Guidolin. Essa atividade é destinada não só aos acadêmicos, mas a jornalistas e publicitários que atuam na área, em preparação ao Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio.

 Na quarta-feira, dia 15, serão realizadas quatro oficinas práticas ministradas por profissionais das áreas que atuam no mercado. A jornalista e assistente administrativa do Sicredi, Raíza Goi tratará do dia a dia de um assessor de imprensa com a oficina Pensando a assessoria de imprensa na prática. O publicitário e sócio proprietário da Agência Soluty, Otávio Vicari, traz sua experiência profissional na área da Publicidade e Propaganda com o workshop Criação e Mercado: do portfólio à atuação profissional. Já o jornalista André Costa e a publicitária Carolina Behling, sócios proprietários da A Doois Comunicação, falam sobre como gerenciar uma marca e produzir conteúdo. A oficina Design Thinking e Comunicação, por sua vez, será ministrada pela jornalista e mestranda em Indústria Criativa, Margarida Goldschimidt.

Na quinta-feira, 16, a noite inicia com uma troca de experiência com o cofundador da Carma Intervenções Sociais, Ramon Ballverdú, que vem de Pelotas para compartilhar a experiência de intervenção urbana e execução de ideias com impacto social positivo realizadas pelo estúdio. Em seguida, acontece a premiação dos melhores trabalhos produzidos por acadêmicos dos cursos no último ano.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail: usina@unijui.edu.br  ou poliana.henke@unijui.edu.br, ou ainda pelo telefone (55) 3332.0200 – Ramal 3110 ou Ramal 3118.

Por Giuli Ana Izolan, acadêmica de Jornalismo.

Anúncios

Inscrições abertas para o Festicom 2018

Capa Festicom 2018

As inscrições para o Festicom 2018 estão abertas, e podem ser feitas pelo Portal da Unijuí, até o dia 9 de agosto de 2018. Para participar os alunos precisam confirmar a inscrição mediante pagamento do boleto no valor de R$ 20, nos caixas da universidade, localizados no prédio da Biblioteca Mario Osorio Marques. O aluno também deve imprimir a ficha de inscrição disponível para download no Blog da Usina de Ideias e no Portal, na aba Eventos e entrega-la, junto com o trabalho, na Usina de Ideias.

O Festicom é dividido em três categorias: Jornalismo; Publicidade e Propaganda e Produção Transdisciplinar em Comunicação. Cada categoria é subdividida em modalidades correspondentes à natureza dos trabalhos experimentais, caracterizadas pela especificidade de mídia, linguagem, suporte, formato, serviço, entre outros.

O acadêmico pode inscrever até três trabalhos em cada categoria, lembrando que a cada dois trabalhos, acrescenta-se um valor de R$ 5 para concorrer. Os trabalhos serão avaliados por profissionais que estão atuando no mercado, em áreas correspondentes às modalidades avaliadas. Dentre os critérios que serão avaliados pelos jurados estão:

  • A adequação do trabalho em relação à modalidade em que foi inscrito.
  • A criatividade e a inovação do trabalho.
  • A viabilidade e aplicabilidade do trabalho.
  • A qualidade (ética/técnica/estética) do trabalho.

Os trabalhos vencedores de cada categoria serão determinados pelo júri, respeitando uma pontuação de 0 (zero) a 10 (dez). A divulgação dos vencedores será feita na cerimônia de premiação, no dia 16 de agosto, às 19h30, no Centro de Eventos da Unijuí. Para o primeiro lugar de cada modalidade será entregue um troféu e um atestado destacando o nome do aluno que inscreveu o trabalho, além do nome do professor orientador e outros colegas autores, se for o caso. Mas atenção, o atestado irá contar apenas com os nomes que estiverem na ficha de inscrição, por isso, não deixe de conferir se todos os nomes dos componentes do trabalho estão presentes e se a grafia está correta. O segundo lugar de cada modalidade receberá um atestado. Os atestados serão enviados por e-mail cerca de 30 dias após a realização do evento.

O evento acontece nos dias 15 e 16 de agosto de 2018, no prédio da Comunicação e no Centro de Eventos, do campus Ijuí. Não deixe de acompanhar o Blog da Usina para saber tudo que vai rolar no Festicom 2018.

Para saber mais: Regulamento 2018

Você também pode fazer o download da Ficha de Inscrição Festicom 2018.

Para dúvidas ou informações entrar em contato pelos e-mails: usina@unijui.edu.br  ou poliana.henke@unijui.edu.br, ou ainda pelo telefone (55) 3332.0200 – Ramal 3110 ou Ramal 3118.

Por Daniella Koslowski, acadêmica de jornalismo.

Como preparar a defesa do seu trabalho para o Festicom

Capa Festicom 2018

As inscrições para o Festicom 2018 estão abertas e podem ser feitas até o dia 09 de agosto, pelo Portal da Unijuí. Se você ainda não separou os seus trabalhos para concorrer, não perde tempo. A inscrição no evento garante a inscrição de três trabalhos e você só precisa separá-los e escrever uma defesa bem fundamentada para garantir a premiação.

Ao entregar os trabalhos na Usina, os alunos precisam apresentar junto com eles um arquivo em word contendo uma defesa do trabalho. Nela deve constar como o trabalho foi desenvolvido, o porquê da temática escolhida, o processo, e uma conclusão. Essa defesa deve ter de 20 a 30 linhas e servirá para contextualizar os jurados frente a produção do seu trabalho, norteando as avaliações.

Lembrem-se pessoal, defender um trabalho ou produto é essencial na vida de um acadêmico, pois o mercado de trabalho quer saber o motivo de o seu trabalho ser o melhor a ponto de ser escolhido. É nesse momento que o acadêmico relata os recursos, ideias e artifícios utilizados na hora de executar a atividade.

Para ajuda-los, separamos um modelo de estrutura que sua defesa deve conter. Esse processo irá norteá-los a escrever a defesa. Respondendo a essas questões de forma completa e criativa, você estará garantindo que os jurados entendam a importância da realização do seu trabalho, bem como garante uma pontuação extra que poderá fazer a diferença na nota final. Confere aqui:

  • Introdução (apresentação do trabalho);
  • Objetivos;
  • Justificativa da ideia/técnica;
  • Processo de realização;
  • Conclusão.

Para mais informações, acesse o Regulamento 2018.

Bom trabalho!

Por Daniella Koslowski, acadêmica de Jornalismo.

Festicom 2018: oportunidade para valorizar seu portfólio

 

Premiação Festicom 2017

Premiação do Festicom 2017

O 2º semestre está chegando, e com ele o nosso Festival de Comunicação (Festicom 2018). Este ano, a programação será dividida em dois dias.  No dia 15 de agosto (quarta-feira) acontecem oficinas práticas ministradas por profissionais das áreas que estão atuando no mercado. O objetivo é trazer para a sala de aula a vivência do mercado de trabalho, compartilhando com os acadêmicos conhecimentos e o que eles devem esperar ao sair da faculdade. Já no dia 16 (quinta-feira), acontece uma troca de experiência com um case de sucesso em comunicação diferenciada e independente e, em seguida, as premiações dos trabalhos inscritos pelos acadêmicos no Festicom.

O Festicom é um evento dos Cursos de Publicidade e Propaganda e Jornalismo, e uma excelente oportunidade para os acadêmicos mostrarem o que vêm desenvolvendo ao longo da graduação. Podem ser inscritos trabalhos desenvolvidos entre o primeiro semestre de 2017 e julho de 2018, desde que as produções não tenham sido premiadas em uma edição anterior do festival.

Para o acadêmico do 5º semestre de Publicidade e Propaganda, Pedro Person, premiado no Festicom 2017, é satisfatório ganhar e ver que os trabalhos são reconhecidos, o que incentiva o aluno a concorrer novamente. “É um momento bem legal de socializar os trabalhos e compartilhar as ideias. Ao mesmo tempo, participar e concorrer nas categorias é uma forma de perceber como está o seu trabalho em meio aos outros, até porque cada pessoa possui uma forma de criar, de analisar as informações e transformar isso em um trabalho. Participando do Festicom você consegue ter uma noção de o que está dando certo no seu trabalho, o que poderia ter sido feito diferente, o que pode ser aprimorado. É um momento de absorver referências e ao mesmo tempo, talvez, ser referência para outras pessoas”, comenta.

A formanda de Jornalismo, Valéria Foletto, reitera a importância do Festicom para o acadêmico, uma vez que valoriza os trabalhos produzidos em aula, pois “é uma forma de você, cada vez mais, tentar fazer o seu melhor nas disciplinas de áudio, foto e vídeo, por exemplo. E o curso promovendo esse evento valoriza estas produções, os alunos tendo a chance de concorrer conseguem avaliar os próprios trabalhos e o curso”.

Ainda não está convencido em participar? Então aproveita essa vantagem incrível: ao se inscrever para participar do evento, cada acadêmico tem direito de inscrever dois trabalhos. Porém, não é obrigatório concorrer apenas com dois trabalhos. Para quem tiver interesse, basta selecionar na hora da inscrição o número de trabalhos que gostaria de inscrever. A escolha das categorias correspondentes deve acontecer na hora da entrega dos trabalhos. Então, não perca tempo!

Ah, não esqueça de preparar uma defesa para o seu trabalho que irá concorrer, é muito importante explicar e convencer os jurados do porque a produção merece ser a ganhadora. Isso não vale apenas para a graduação, mas para a carreira! Então aproveita esse restinho de férias, separe o material, prepare sua defesa e aguarde. Em breve o Blog da Usina estará divulgando mais informações. Fique ligado!

 Por Daniella Koslowski, acadêmica de Jornalismo.

Vinte Com Talentos

A sexta-feira, 28, último dia do 15° Festicom, foi dedicada à mostra de talentos do curso de Comunicação Social. Por aqui, passam alunos com múltiplos talentos seja na música, na dança ou na arte de fotografar.

Por isso, quem compareceu ao último dia do Festicom pode acompanhar a exposição de fotos dos alunos Thomas Windmöller, Bianca Mielcke e José Cassiano Gubiani. Teve também apresentações musicais: Blood n’ Bones;  Fat and Slim e Robson Gomes e dança com os Publicitários de Jesus.

Durante a semana foram várias as atividades desenvolvidas. Confira no vídeo alguns momentos da semana acadêmica dos vinte anos do curso de Comunicação Social da Unijuí.

 

Oficineiros no Festicom

Além de palestras que movimentaram os cinco dias de Festicom, duas oficinas também foram realizadas. Arion Engers Moreira abordou “Criar, produzir e realizar filmes” e Jornalismo Rural foi a ênfase de Ricardo Cunha.

Oficina Arion

Foto: Fernando Goettems

Arion Moreira, egresso de Jornalismo, pautou a produção cinematográfica. Segundo ele a ideia do curso teve como foco a instrumentalização para a criação de materiais audiovisuais. “Estudamos a estrutura americana de roteiro, como se conta isso, a partir de grandes narrativas usando clássicos como exemplo e como podemos contar qualquer história que queremos a partir da imagem e som”.

Roteiro, produção, o funcionamento de uma câmera, tipo de lente e como o personagem vai alterar a história ao longo do tempo, também foram aspectos em discussão. “Essa soma de vários aspectos vai gerar um pensamento audiovisual, permitindo que se crie algo que seja estritamente audiovisual, que ela funcione como algo linear no tempo e no espaço, coisa que não é um livro que faz, que não é a foto que faz, é um tempo que é só do audiovisual”, afirmou. A oficina aconteceu de 24 a 28 de agosto, no turno da tarde, no Laboratório de Vídeo.

Oficina Ricardo

Na tarde de quarta-feira, 26 de agosto, aconteceu a oficina sobre Jornalismo Rural na sala K1 com Ricardo Cunha. O jornalista com vasta experiência nessa área dividiu a oficina em três tópicos: explicação sobre o cenário agropecuário, o papel das mídias e por fim, o jornalismo nesse segmento.

Dentre os aspectos destacados esteve a importância do setor agropecuário. Alguns dados exemplificam: a economia brasileira depende do agronegócio, 15% dos brasileiros vivem no campo e esse segmento é o mais competitivo da economia brasileira. Desse modo entra em destaque as mídias sociais. Segundo Ricardo, são diversas as mídias disponíveis. O texto para esse setor também muda. “A linguagem deve ser compreensiva, simples, de fácil entendimento”.

Lançamento de livros e premiação marcam penúltimo dia de Festicom

A quinta-feira, 27 de agosto, foi dedicada ao lançamento de dois livros da professora Vera Raddatz e também da premiação dos vencedores da mostra competitiva. As obras em destaque na sessão de autógrafos são: Educação e Comunicação para os Direitos Humanos e Comunicação Cultura e Fronteiras. 

DSC_0102

Educação e Comunicação para os Direitos Humanos é uma publicação da coleção Direitos Humanos e Democracia, do Programa de Pós-Graduação em Direito da UNIJUÍ. Constitui-se de uma entrevista e oito textos de diferentes autores, cujas pesquisas são voltadas à educação para os direitos humanos na relação com a comunicação, sob o enfoque da educomunicação.

DSC_0115

Comunicação Cultura e Fronteiras: organizado em parceria com Karla Maria Müller (UFRGS), está sendo publicado pela Coleção Linguagens, do Departamento de Ciências Administrativas, Contábeis, Econômicas e da Comunicação – DACEC, também da UNIJUÍ. O ponto central da obra são as fronteiras, especialmente as fronteiras culturais, que são tecidas junto às fronteiras geopolíticas.

Lembrete: Os livros podem ser comprados na Planeta Livros (Prédio C) com preço especial até a semana que vem. Educação e Comunicação para os Direitos Humanos tem custo de R$ 45,00 e Comunicação Cultura e Fronteiras, R$ 50,00.

Na oportunidade a professora Vera Raddatz destacou alguns tópicos importantes para o desenvolvimento de uma pesquisa. Ela deu algumas dicas:

  • Escolher o objeto e o objetivo;
  • Conhecer o objeto;
  • Cercar-se de autores de referência;
  • definir metodologia de pesquisa;
  • Socializar resultados;
  • Estabelecer parcerias;
  • Redescobrir o objeto;
  • Trabalhar e contextualizar o objeto a partir do seu lugar de fala.

VENCEDORES DA MOSTRA COMPETITIVA DO FESTICOM

Ontem também foi o dia de conhecer os vencedores da mostra competitiva do Festival. Foram 55 trabalhos inscritos que foram avaliados por dez jurados das diferentes áreas. Os trabalhos não continham os nomes dos alunos e eram apresentados aos jurados identificados por letras para garantir a isenção no momento do julgamento, ou seja, nenhum jurado sabia a quem pertencia o trabalho que estava avaliando. Seguindo uma mudança que já havia sido realizada no regulamento no ano passado, para permitir que os alunos pudessem inscrever mais produções, foi definido que um mesmo aluno poderia inscrever até três trabalhos por modalidade. Portanto, um mesmo aluno pode ficar com o primeiro e o segundo lugar, caso as suas médias tenham sido as maiores nos dois trabalhos inscritos.

Vamos conhecer os vencedores?

Áudio Publicitário:

1º Jingle Casas Bahia

Aluno: Leonardo Mello

2º A HISTÓRIA DE LIS

Aluno: Dielisson de Lima

Campanha Publicitária:

1º Los Paleteros

Aluna: Caroline Costa

DSC_0149

DSC_0177

Comunicação Experimental em Áudio:

 1º SOB DEMANDA

Aluna: Caroline Costa

PETROBRAS PROGRAMETE

Aluna: Caroline Costa

Comunicação Experimental em Vídeo:

1º MEU FILME

Aluna: DANÚBIA GOIS

 2º THE LEGS – ACÚSTICO 2014

Aluno: Renan Person

DSC_0220

DSC_0163

 Fotografia Publicitária:

1º Leite – Café da Manhã

Aluna: Michele Dalla Costa

2º TEMPO

Aluna: MICHELE DALLA COSTA

Produção Multimídia:

1 º MATERNIDADE, LÚPUS E DIFICULDADES

Aluna: Amanda Lima

Produção em Áudio:

 1º Documentário Taffarel, o vencedor

Aluno: Robson Girardon

2º O repórter esportivo

Aluna: Valéria Foletto

 Produção em Foto:

1º Fotos

Aluna: Ediani Oliveira

Produção em Texto:

1º Incentivo ao trabalho no campo

Aluno: Gabriel Garcia

2º O mercado fonográfico em transição  

Aluno: Robson Girardon

Produção em Vídeo:

1º Nota por Nota  

Aluna: Deise Krug

2º Matéria Brinquedoteca – K1

Aluna: Ana Louíse Diel

Comunicação Digital:

1º Projeto Mais Relações Públicas

Aluno: Luís Meneghetti

Publicidade Gráfica:

1º Três Porquinhos Intrínseca

Aluna: Jéssica Soares

Vídeo Publicitário:

1º Guz: o cão que conheceu a Pedigree

Aluno: José Valduga

2º Friends DC e Marvel

Aluna: Jéssica Soares

Projeto de assessoria de comunicação:

1º Plano de Prevenção e Gerenciamento de Crises para a empresa Infoly Sistemas e Serviços para a Internet

Aluna: Andressa Zucatto

Programação de hoje: 28 de agosto: Vinte Com talentos

Noite dedicada à mostra de talentos dos alunos, professores e funcionários do curso seguida de festa “Time Machine” dos 20 anos no Biras Stúdio, Rua do Comércio 1330 – garagem.