Cursos para aumentar seu amor por Cinema

Cursos para aumentar seu amor por CinemaO cinema é um lugar mágico. Nele é possível contar e viver inúmeras histórias. Ele te possibilita sonhar. Você também é apaixonado por cinema? Gostaria de saber mais sobre esse mundo mágico? Separamos algumas dicas de cursos de cinema online e gratuitos. Confere aí:

Learn Cafe

O site Learn Cafe é um ótimo lugar para quem curte cinema. Conta com variados cursos como a “Análise do campo cinematográfico brasileiro sob a perspectiva industrial”, “Violência e feminismo no cinema contemporâneo” e “Cinema, documentário e memória” são alguns dos cursos disponíveis. Eles são gratuitos, possuem conteúdo programático e videoaulas divididas em módulos.

Pixar in a Box

Os personagens da Pixar sempre estiveram presentes em nossa infância, que tal um curso sobre animação, modelagem de personagens e ambiente, além de outras técnicas baseadas no estilo Pixar? Em parceria com a Khan Academy, a Pixar está oferecendo este curso grátis.

Cinema e Teatro

A história do cinema, seus efeitos visuais e como a tecnologia transforma os filmes em realidade, é o que consta nesse curso.

Cursos em Inglês

A Experiência de Cinema – MIT

Esses vídeos te deixaram sabendo tudo sobre a evolução do cinema, abordando o início do cinema, filmes mudos, os anos 70 e o neorrealismo.

Filosofia no Cinema e Outras Mídias – MIT

O professor e filósofo Peter Singer gravou quatro aulas trazendo discussões sobre vários temas e teorias dos filmes, analisando a qualidade artística do cinema.

Filmes Western: Mito e Ideologia de Gênero – Universidade Wesleyan

Os filmes mais emblemáticos da história americana: o western (faroeste) foi analisado pelo professor Richard Slotkin. Ele lançou uma série de aulas em áudio que analisa o desenvolvimento desses filmes, o contexto cultural e histórico e comenta mais de 20 produções.

Holocausto em Cinema e Literatura – Universidade de Califórnia

O professor Todd Presner, através de filmes e livros, tenta entender os horrores do Holocausto.

Introdução ao Pensamento Visual – Universidade de Berkeley

Consiste em uma série de videoaulas sobre os primeiros passos para a concepção do “pensamento visual”, fotografia e outros conceitos necessários para entender a estrutura do cinema.

Introdução aos Estudos Visuais – Universidade Estadual da Pensilvânia

Na série de vídeos disponível no iTunes, o curso é uma introdução aos movimentos e gêneros artísticos, influências culturais, artistas e seus trabalhos. O objetivo principal é explorar a criatividade e entender as técnicas de estúdios artísticos.

Adaptado de Revista Galileu

Anúncios

Dia Nacional do Cinema Brasileiro: Pegue a pipoca

Dia-nacional-do-cinema-Brasileiro

Neste domingo, 05 de novembro, é comemorado o Dia Nacional do Cinema Brasileiro. A data homenageia a primeira exibição cinematográfica pública do País,  evento que aconteceu em 1896, no Rio de Janeiro. Em alguns lugares a comemoração é feita no dia 19 de junho, que foi realizada a primeira filmagem em terras brasileiras. A filmagem retrata uma “vista” da Baía de Guanabara, filmada pelo italiano Alfonso Segreto, em 1898.

Desde sua criação, o cinema é uma atividade acessível e próxima do espectador. A proposta surgiu como uma forma de diversão popular. Em 1975, o Brasil possuía cerca de 3300 salas cinema, sendo 80% apenas em cidades do interior, região que reunia toda a população local para exibir os filmes.

Para comemorar essa data, separamos algumas dicas de filmes brasileiros. Confere aí:

 

O auto da compadecida

O auto da compadecida (2000)

A adaptação da obra de Ariano Suassuna conta a história de João Grilo (Matheus Natchergaele), um sertanejo pobre e mentiroso, e Chicó (Selton Mello), o mais covarde dos homens. Eles lutam pelo pão de cada dia tentando enganar todos do pequeno vilarejo de Taperoá, no sertão da Paraíba. A salvação da dupla acontece com a aparição da Nossa Senhora (Fernanda Montenegro).

 

Dois filhos de Franscisco

Dois filhos de Francisco (2005)

O filme conta a trajetória de Zezé Di Camargo e Luciano até ao estrelado. A emocionante história dos meninos que saíram da roça em busca de seu sonho de virar cantor e a luta incessante do pai para ajudar neste sonho.

 

Tropa de elite

Tropa de Elite (2007) Capitão Nascimento (Wagner Moura) está à procura de um substituto para seu cargo. Dois amigos de infância tornam-se policiais e se destacam pela honestidade e honra ao realizar suas funções, se indignando com a corrupção existente no batalhão.

 

Meu nome não é jonhy

Meu nome não é Jonhy (2008)

João Guilherme Estrella (Selton Mello) nasceu em uma família de classe média do Rio de Janeiro. Conheceu o universo das drogas, sem nunca pisar numa favela, se tornou o maior vendedor de drogas do Rio de Janeiro.

 

Era uma vez

Era uma vez (2008) O filme que ficou conhecido como Romeu e Julieta brasileiro, conta a história de Dé (Thiago Martins),  um menino que nasceu na favela e se apaixonou pela filha de um milionário, Nina (Vitória Frate).

 

Assalto ao banco central

 

Assalto ao banco central (2011) 

O filme conta como foi planejado e executado o segundo maior roubo de bancos do mundo, que aconteceu em Fortaleza, no Ceará.

 

 

 

Os homens são de marte… E é pra lOs homens são de marteá que eu vou (2014)

Fernanda (Mônica Martelli) trabalha na organização de casamentos. Solteira aos 39 anos, ela passa a maior parte do tempo procurando o grande amor de sua vida e até modifica toda ela para ir atrás de um homem.

 

Julio Sumiu

Julio sumiu (2014)

Após o sumiço do filho Julio (Pedro Nercessian), Edna (Lilia Cabral) vai à procura de seu filho na delegacia com Eustáquio (Dudu Sandroni), seu marido, mas eles são destratados pelo delegado adjunto J. Rui (Augusto Madeira), que estava mais interessado em conquistar a colega de trabalho Madalena (Carolina Dieckmann). Após receber um recado que o filho está com Tião Demônio (Leandro Firmino), o chefão do tráfico do morro ao lado, Edna decide ir até lá negociar. Surpreendida por um tiroteio, ela acaba guardando 20 kg de cocaína para o traficante que, em troca, promete libertar Julio. O problema é que Sílvio (Fiuk), ao descobrir a cocaína, decide vendê-la.

Mais forte que o mundo

Mais forte que o mundo (2016) 

José Aldo (José Loreto) encontra na luta um jeito para desligar-se do mundo e dos problemas com o pai. Procurando um futuro melhor, ele se muda para o Rio de Janeiro e vai morar de favor no alojamento de uma academia.

 

Sob pressão

Sob Pressão (2016)

O doutor Evandro (Julio Andrade) e sua equipe, formada pelos doutores Paulo (Ícaro Silva) e Carolina (Marjorie Estiano), é a história da realidade de muitos hospitais do Brasil, no filme os médicos operam e salvam vidas com estruturas muito precária que em alguns lugares isso seria impossível e inacreditável de se fazer.

 

Artigo baseado em dados do Adoro Cinema e Colégio Novo Espaço

Inscrições para o 7º Festival Atena estão abertas

Está chegando mais um Festival Atena, o “Festival de Inverno” característico e referencial da cidade de Frederico Westphalen. Este ano, em sua sétima edição, o evento ocorrerá no dia 8 de julho, sábado, das 15h às 22h, na Escola Cardeal Roncalli.

Flyer Festival Atena Frente

O festival objetiva exclusivamente revelar e divulgar os talentos artísticos em todos os níveis socioculturais, por intermédio da promoção da mostra cultural das seguintes categorias de artes: dança, música, cinema, fotografia, pintura, desenho e literatura. Para cada categoria artística há um Regulamento específico, por isso não deixe de consultá-lo.

Os prêmios para as seis categorias competitivas do Festival são: Troféu e R$ 300,00 para os 1º lugares trio/grupo; Troféu e R$ 200,00 para os 1º lugares solo/duo; Medalha e R$ 100,00 para os 2º lugares trio/grupo; Medalha e R$ 50,00 para os 2º lugares solo/duo. A categoria literatura não será competitiva, tendo apenas o caráter de mostra.

As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho, preenchendo a Ficha e a entregando na Escola Cardeal Roncalli. Aproveite a oportunidade!

 

 

 

VI Encontro de Cinema Universitário de Alagoas

Sem título

O VI Encontro de Cinema Universitário de Alagoas acontecerá na cidade de Penedo/AL entre os dias 29 de novembro a 03 de dezembro de 2016. Reúne professores/pesquisadores, produtores, realizadores e estudantes do setor audiovisual e busca refletir sobre a linguagem cinematográfica, a produção e a inserção do produto nacional e alagoano no emergente mercado do audiovisual no país.

O evento tem o objetivo de apresentar trabalhos acadêmicos (os quais devem ser encaminhados até o dia 30 de setembro de 2016) oficinas temáticas, mesas redondas e conferências, com a finalidade de discutir os caminhos da formação para o audiovisual; a produção e fruição do produto audiovisual; e por fim, as políticas públicas do e para o Setor, seja em âmbito local, regional e ou nacional.

Busca, portanto, estimular a reflexão, o debate e a pesquisa sobre o cinema nacional e, em especial sobre o ensino e as obras produzidas nas instituições públicas e privadas de ensino superior de todo o território nacional, objetivando, dessa forma, conhecer, entender e difundir a produção universitária e ressaltar a contribuição das IES nesse campo do saber.

Os trabalhos podem ser inscritos nas modalidades Resumo Expandido ou Artigo. Os selecionados serão publicados em um número especial da revista eletrônica Extensão em Debate, da Universidade Federal de Alagoas (ISSN: 2236-5842).

O Encontro acontece associado ao Circuito de Cinema de Penedo, que, esse ano, congrega: o IX Festival de Cinema Brasileiro de Penedo, o VI Festival de Cinema Universitário de Alagoas e a III Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental.

 

Matéria Via Alagoar

1° Festival de Cinema de Três Passos irá agitar o mês de novembro

logo-festival

Até o dia 15 de setembro você pode se inscrever no 1° Festival de Cinema de Três Passos. O evento, que conta com o apoio da Unijuí – câmpus Três Passos, é dedicado à exibição de obras audiovisuais de curta-metragem e tem caráter educativo, competitivo e informativo.

Os filmes deverão ter duração máxima de 20 minutos, incluídos os créditos, e legendas em português, caso sejam estrangeiros. A programação do Festival terá uma mostra competitiva aberta à participação de obras nacionais e de países membros do Mercosul. As categorias para concorrer são: ficção, documentário, animação, experimental e temática ambiental. É possível participar também da mostra não competitiva. A inscrição é gratuita.

O evento ocorre nos dias 13, 14 e 15 de novembro no Cine Teatro Globo, em Três Passos. Regulamento e mais informações você confere no site do Festival.

Em agosto tem Festival de Cinema em Santo Ângelo

10404159_251228971738737_7919043589192251190_n

Você que tem interesse em inscrever suas produções em vídeo em festivais, não perca esta chance. Até o dia 08 de agosto você pode confirmar sua participação na 3° edição do Festival de Cinema de Santo Ângelo – Curta Metragem. O evento acontece de 20 a 22 de agosto na sede social do Clube Gaúcho. O candidato deverá preencher e entregar a ficha de inscrição e duas cópias do vídeo em DVD na secretaria do Clube. Quem não residir em Santo Ângelo pode enviar a ficha de inscrição e a produção para o Clube Gaúcho pelo correio: Rua Bento Gonçalves, nº 915 – Centro – CEP: 98801-700 – Santo Ângelo/RS. Alunos do curso de Comunicação Social da Unijuí podem trazer o material até a Usina de Ideias para fazermos o encaminhamento. Os filmes devem ter duração máxima de 20 minutos (incluindo os créditos) e devem respeitar a classificação indicativa de 12 anos para exibição ao público.

Serão selecionados cerca de 20 filmes, aproximadamente 420 minutos para compor a mostra do Festival. As produções deverão seguir critérios de qualidade artística e técnica. O júri que avaliará os filmes será composto por profissionais das áreas de cinema, teatro, música, fotografia, letras, edição e cultura.

São 11 as categorias: Melhor Filme, Melhor Filme Local, Melhor Ator e Melhor Atriz, Melhor Diretor, Melhor Roteiro, Música Original, Melhor Fotografia, Melhor Documentário, Melhor Animação e Melhor Filme do Júri Popular.

Os vencedores serão premiados com a estatueta cisne de ouro. Mais informações podem ser obtidas no site do evento. A inscrição é gratuita.

Premiações:

Produções de alunos da Unijuí já foram destaques no evento. Na segunda edição, realizada em novembro de 2012, quatro trabalhos foram premiados nas seguintes categorias:

Melhor Roteiro: “Pelas Mãos do Gaiteiro” – Murian Cesca – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Fotografia: “Bruxas” – Marcelo de Morais Fernandes – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Documentário: “No Curso dos Sonhos” – Emerson Scheis – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Filme do Júri Popular: “Comunicação Rural na Capital das Missões” – Cristina Xavier Noal – Santo Ângelo-RS

3° Festival de Cinema de Santo Ângelo está com inscrições abertas

Já podem ser feitas as inscrições para a 3° edição do Festival de Cinema de Santo Ângelo – Curta Metragem. O candidato deve preencher a ficha de inscrição, disponível no site e na secretaria da Sede Social do Clube Gaúcho de Santo Ângelo, até o dia 08 de agosto. A ficha deve ser entregue, juntamente com duas cópias em DVD do trabalho, na Secretaria do Clube. Os filmes devem ter duração máxima de 20 minutos e devem respeitar a classificação indicativa de 12 anos para a exibição ao público.

O Festival de Cinema é um evento dedicado exclusivamente à exibição e promoção de obras audiovisuais de curta metragem.  O evento acontece de 20 a 22 de agosto. A inscrição é gratuita.

Produções de alunos da Unijuí já foram destaques no evento. Na segunda edição, realizada em novembro de 2012, quatro trabalhos foram premiados nas seguintes categorias:

Melhor Roteiro: “Pelas Mãos do Gaiteiro” – Murian Cesca – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Fotografia: “Bruxas” – Marcelo de Morais Fernandes – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Documentário: “No Curso dos Sonhos” – Emerson Scheis – São Luiz Gonzaga-RS

Melhor Filme do Júri Popular: “Comunicação Rural na Capital das Missões” – Cristina Xavier Noal – Santo Ângelo-RS

Mais informações estão disponíveis no site do evento.