Gestora da Mídia Ninja participa de aula de Jornalismo Digital

Cláudia Schulz, ijuiense que vive no Rio de Janeiro, compartilhou experiências de midiativismo na noite de quinta,  4 de maio, com a turma de Jornalismo Digital da Unijuí

 18278656_1317745318321005_5846092090045456536_o

Uma rede de comunicadores com mais de 1 milhão e meio de seguidores apenas no Facebook. O Mídia Ninja aposta numa lógica colaborativa de criação e compartilhamento de conteúdos, priorizando o olhar de quem está na rua. E pode ser considerado uma das principais referências em mídia alternativa no país, tendo relevância nacional e internacional.

Cláudia Schulz é uma das gestoras nacionais do grupo, que é articulado com a Rede Fora do Eixo, uma rede socio-cultural de trabalhos colaborativos. Na última quinta, 4 de maio, Cláudia compartilhou experiências do trabalho dos ninjas com a turma de Jornalismo Digital.

A Mídia Ninja prioriza a linguagem do “aqui e agora”, no que Cláudia chamou de um “estado permanente de documentário”. Embora a equipe da Mídia Ninja em si não seja tão grande – cerca de 25 pessoas – há a formação de uma rede conectada com pessoas e organizações de diversas partes do país, e diversos canais de diálogo com o público, prontos para receber e filtrar materiais que possam ser compartilhados nas redes da Mídia Ninja e apresentar o “olhar de quem está na rua”.

Para os acadêmicos de Jornalismo Digital, que nessa semana iniciam a publicação de conteúdos on-line com o site Redação K1, o conselho de Cláudia foi buscar trabalhar uma linguagem jovem, que é a linguagem predominante na internet e, aliado a isso, tentar trazer também outras pessoas para o engajamento com a produção.