Jornalismo policial na web

O termo jornalismo policial já intrigante e essa costuma, normalmente, ser a editoria mais procurada em todos os jornais e portais de notícias. Mas a forma como é feita a condução dessa notícia pelos veículos de comunicação é, em grande parte, ética? Esses questionamentos e o gosto pela editoria fizeram com que a acadêmica de jornalismo Amanda Lima escolhesse “Jornalismo policial na web: Um estudo de caso dos sites de notícias de São Luiz Gonzaga”, como tema do seu Trabalho de Conclusão de Curso.

A pesquisa iniciou com leituras sobre Jornalismo Digital e Policial, e também sobre Sensacionalismo. “Foram dezenas ou talvez uma centena de artigos e livros. Depois, fiz uma pesquisa de campo, através de um questionário do Google. E por fim, fiz um estudo de caso múltiplo com os quatro sites da cidade”, conta. Ela frisa ainda, que a conclusão que chegou com o trabalho foi a de que o jornalismo policial, especialmente no interior, precisa ser menos sensacionalista e mais fiel aos fatos. “É preciso investir em reportagens na área. Ir além do factual. É tudo difícil no interior, mas eu acredito que jornalistas que estudam e se empenham, conseguem fazer diferença”, diz.

Amanda

Ela conta ainda que sua apresentação foi tranquila, apesar de ter ficado um pouco nervosa no início. “Foi o fim de um caminho muito difícil que consegui vencer. A minha banca, composta pelo orientador Felipe Dorneles e o professor Márcio Granez também foi sensacional, me deixaram bem tranquila. Vou lembrar para sempre desse dia”, finaliza.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s