Lançamento de livros em destaque no Festicom

Vera Raddatz

Vera Raddatz e Luciano Klöckner, do grupo de pesquisa em rádio, em lançamento da obra no Intercom

O lançamento de livros é uma das atrações que vai movimentar o Festicom. “Educação e Comunicação para os Direitos Humanos” e “Comunicação Cultura e Fronteiras” são de autoria da professora Vera Raddatz e estarão sendo lançados na quinta-feira, 27 de agosto, a partir das 19h30min no Salão Azul.

E como é a sensação de fazer o lançamento no Festicom, nos 20 anos do curso? Ela responde: “O lançamento no ano Vinte da Comunicação é uma grande alegria e realização pessoal como pesquisadora da área, mas também muito significativo porque representa a caminhada do curso em termos de pesquisa e conexão com o ensino e a extensão. As obras são resultado de um processo de interação de como a Comunicação Unijuí vem se posicionando na estrutura macro da comunicação, ou seja, na relação com outros públicos, esferas e pesquisadores. Isso demonstra que não andamos sozinhos, mas construímos alianças, parcerias o que abre pressupostos para a renovação constante de nosso trabalho”.

Livro 1

Educação e Comunicação para os Direitos Humanos é uma publicação da coleção Direitos Humanos e Democracia, do Programa de Pós-Graduação em Direito da UNIJUÍ. Constitui-se de uma entrevista e oito textos de diferentes autores, cujas pesquisas enfocam a educação para os direitos humanos na relação com a comunicação, sob o enfoque da educomunicação. Questões como o impacto das tecnologias na educação e o papel dos meios de comunicação na sociedade estão presentes nesta obra, que entende ser essencial a formação de uma cultura de direitos humanos, a partir da educação e da comunicação. Este processo potencializa a pluralidade e a democracia.

Livro 2

O livro Comunicação Cultura e Fronteiras, organizado em parceria com Karla Maria Müller (UFRGS), está sendo publicado pela Coleção Linguagens, do Departamento de Ciências Administrativas, Contábeis, Econômicas e da Comunicação – DACEC, também da UNIJUÍ. O ponto central da obra são as fronteiras, especialmente as fronteiras culturais, que são tecidas junto às fronteiras geopolíticas. Nove pesquisadores brasileiros que tem se dedicado a estudar as fronteiras na sua relação com a cultura e os meios de comunicação  e apresentam outros olhares sobre a fronteira,  atravessando os limites do paradigma convencional. Além da visão do contexto histórico, social e cultural, o livro discute a produção jornalística de emissoras de rádio e televisão, jornais impressos e online que produzem suas narrativas tendo como foco a fronteira.

Mostra competitiva: Na mesma noite haverá a premiação dos vencedores da mostra competitiva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s