Produções audiovisuais do curso em destaque

Uma câmera no ombro; Roteiristas afinados; Os melhores editores do mundo (homenagem especial ao Célio Ferraza e ao Rafael Bianchi); Orientação bem feita (professor Celestino Perin sempre a postos); Quer mais? A tudo isso, acrescenta-se uma pitadinha de talento e criatividade. Essa é a receita dos alunos do curso de Comunicação Social da Unijuí para produzir materiais audiovisuais com grande maestria. Vídeos que encantam os festivais da região pela qualidade e pela competência do trabalho, chamando a atenção dos telespectadores, motivando discussões e reflexões que ultrapassam o domínio cultural e constituem produtos com valor político, histórico e social.

 A mais recente produção ensina e estimula reflexões com muito bom humor. “A vida de Cipriano: jornalismo sem cortes” foi produzido por alunos de Jornalismo, na disciplina de Produção de Vídeo II. A turma desafiou-se a ilustrar o itinerário da evolução do trabalho do jornalista, do século XX aos dias atuais. O material encaixa-se ao currículo acadêmico do curso que prevê um trabalho integrado entre as disciplinas, motivando o conceito de trabalho multimídia. Nesse contexto, ele foi exibido na exposição “Infoera: mídia e jornalismo através da história”, organizada pelos alunos de Produção Multimídia II, sob orientação do professor Felipe Dorneles, evento que ocorreu entre os dias 24 e 28 de junho de 2013. O vídeo é protagonizado pelo ilustríssimo ator Mateus Andriguetto Tamiozzo e dirigido pelo notável diretor João Pedro Van Der Sand. Para completar essa equipe de feras estão os alunos: Alécio Baroni, Araciele Ketzer, Margarida Goldschmidt, Mariana Rick, Priscila Heldt, Suélen Kommers e Vinícios Fruhling.

A abordagem desta produção é ficcional. O trabalho do jornalista, desde o período da máquina de escrever até o período multimídia, é representado em cenários montados nas ruas de Ijuí e no estúdio chroma do laboratório de vídeo da Unijuí. Os objetos e figurinos foram garimpados pelos produtores da turma. Um vestido da década de 50 daqui; uma arma de brinquedo dali; um fusca de lá; e assim, com total colaboração dos amigos e transeuntes (atores escolhidos em momentos peculiares), foi-se construindo uma narrativa que retrata que a vida do jornalista não é fácil, mas sempre rende uma boa história: prova disso é o vídeo! Só para preveni-lo, ao assistir, ninguém escapa de uma boa gargalhada, prepare seus músculos faciais, aperte play no vídeo abaixo e comprove!

Seguindo esta iniciativa de divulgar as produções audiovisuais dos acadêmicos do curso de Comunicação Social da Unijuí, vamos divulgar em um próximo post mais produções de destaque, como o vídeo-documentário “21: os anos que não foram escritos”, trabalho de conclusão de curso dos acadêmicos Emerson Scheis e Pâmela Moraes, que já está circulando na Comissão de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH) da Assembleia Legislativa/RS, presidida pelo deputado Jeferson Fernandes. Não perca. Fique ligadinho no blog da Usina!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s