Pingue-pongue é esporte de descontração e lazer

por Laísa Mendes da Silva

Divertido e relaxante, o pingue-pongue também esteve presente na 26º Olimpíada do Sesi. Várias equipes disputaram o primeiro lugar sem deixar a diversão de lado

Vilmar Rauber: O pingue-pongue é um esporte cativante!

Mesmo que o pingue-pongue não seja um esporte muito conhecido, hoje ele tem divertido muitas pessoas que possuem uma rotina de trabalho exaustiva. O desenhista-projetista de uma das empresas participantes da Olimpíada do Sesi Vilmar Rauber, jogador há 20 anos, encontrou nesse esporte uma forma de distração: “O pingue-pongue é um esporte cativante”.

Muitas vezes as pessoas confundem o pingue-pongue com o tênis de mesa. As diferenças mais visíveis entre os dois jogos estão “nas raquetes sem pintura e na altura da mesa e da rede, pois no pingue-pongue elas são mais altas”, explica Vilmar.

Por mais que o pingue-pongue não seja um esporte olímpico e que tenha perdido um pouco da sua visibilidade por conta do surgimento do tênis de mesa, as Olimpíadas do Sesi trouxeram as duas modalidades a Ijuí, para que os jogadores pudessem participar do esporte que realmente gostam.

O pingue-pongue é jogado no Rio Grande do Sul e em uma parte de São Paulo. Nas Olimpíadas do Sesi ele estava em formato de competição, sem deixar de ser divertido e prazeroso. Sobre prêmios Valdir responde com um sorriso: “Estamos aqui pelo esporte”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s