Europe Inception

No dia 11 de setembro Mateus Tamiozzo, estudante de jornalismo, embarca para a cidade de Porto (Portugal), onde vai morar por cerca seis meses para fazer intercâmbio. Mateus parte para o Velho Mundo em busca de conhecimento e vai relatar suas experiências no blog Europe Inception.  Vamos viajar pelo relato desse blogueiro intercambista…

A minha expectativa é a mesma de uma pessoa que vai fazer algo importante, realmente importante, pela primeira vez na vida. Nunca tinha chegado tão longe em “termos geográficos”. Posso garantir que é uma mistura de ansiedade, empolgação, medo e até emoção – afinal, as despedidas estão começando e é o mais evidente sinal de que a hora do embarque está chegando.

Espero conhecer muitas pessoas. Não só de Portugal, mas de todo o mundo, afinal a estimativa é que a Universidade do Porto receba algo em torno de dois mil “Erasmus” (como são chamados os intercambistas). Consequentemente, a bagagem cultural que vou trazer de lá em fevereiro, quando volto, talvez será a mais pesada de todas.

Conhecer lugares. Barcelona, Madrid, Roma, Paris, Amsterdã, Londres. Conhecer cidades e lugares que antes eu via apenas pela televisão e registrar esses momentos para guardá-los para sempre. E, claro, estou a procura de um livro, desses tipo guias de viagem, com informações sobre lugares que possivelmente eu poderei me deparar e não saber do que se trata.

Conhecer a estrutura de uma universidade com renome mundial e de uma cidade com muita história. As comparações com Ijuí e com a Unijuí serão inevitáveis, sejam por aspectos negativos ou positivos. Conhecer a estrutura da faculdade de Jornalismo (lá estudarei na Faculdade de Letras), aproveitar ao máximo as tecnologias que lá estarão a minha disposição.

Porto (Portugal)

E as festas. Os que mais detestam ouvir isso aqui, antes do embarque, talvez sejam os professores e os coordenadores de intercâmbio, mas faz parte da estadia na Europa e também é uma forma de conhecer ainda mais pessoas. Mal posso esperar.

E aqui serei um pouco clichê (ou não, talvez eu seja muito): quero o intercâmbio pelas muitas oportunidades que poderão surgir após o meu retorno de Portugal. Ter no currículo um período de estudos em uma universidade fora do Brasil conta muito no momento da disputa por uma vaga no mercado de trabalho.

Mas não dá pra esquecer a própria vontade de conhecer a Europa – e que motiva, e muito, a minha ida ao Velho Mundo. Todos os que retornam querem voltar à Europa e desembarcam no Brasil absolutamente encantados com o que viram lá. Provavelmente é o que vai acontecer comigo também.

Blog – A motivação para criar um blog surgiu a partir da ideia da Naiara e da Ramone, que estiveram no Europa entre setembro de 2010 e fevereiro de 2011. O trabalho delas foi fantástico e resolvi seguir por este caminho, embora a minha proposta não seja a de dar tantas dicas no blog como elas fizeram no delas.

Vai servir mesmo como um puro relato da viagem, para contar aquilo que não cabe no Twitter e no Facebook. Além disso, quero voltar de lá com pelo menos um exemplar de cada jornal que elenco em uma das barras de favoritos no lado direito do blog.

Anúncios

2 respostas em “Europe Inception

  1. os twiteiros de plantão que se liguem nas peripécias que o twitter reserva. É cada coisa que acontece nessa rede social, que eu me mijo rindo HAHAHAHAHA #dimais >sigam-me @anndreecosta ;)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s